quarta-feira, 29 de junho de 2011

A grande questão a ser respondida pelo homem
não é quem sou, mas o que desejo.
Nós somos definidos pelos nossos desejos.
Pelas escolhas que fazemos influenciadas por eles.
Mas por que os seres humanos costumam fazer coisas
que não querem, ou que não sabem que querem?
Por que costumamos ser tão cegos aos nossos próprios desejos?
Essas são as perguntas que nem Freud, nem qualquer estudioso da mente humana,
jamais conseguirá responder com perfeição.
Porque além do nosso grande desconhecimento sobre nós mesmos,
somos confrontados com o acaso ou um acidente o tempo todo.
Mas ainda assim, perdidos em meio ao caos de uma teia de coincidências,
os seres humanos conseguem ter momentos plenos de felicidade e sentido.
É neles que conquistamos a impermanência.
A grande pergunta, nao é qual o sentido da vida,
ou o que querem as mulheres,
mas no meu caso, o que uma mulher muito específica quer.
O que ela quer daqui a cinco minutos, daqui a três segundos
e o que ela quer AGORA.




(Afinal o que querem as mulheres)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
bom gente a maioria de vocês já me conhecem então vou dispensar apresentasoes, queria pedir pra todos que curtem meu blog deixar comentários, palpites, pitacos... shusuhshsusususu bom obrigada pelas visitas bjjos. :D